Tocantinópolis acolhe 1º Encontrão das CEBs da Amazônia

Participarão representantes dos regionais Norte, Noroeste e Norte 3 da CNBB

O 1º Encontrão das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) da Amazônia reunirá representantes dos regionais Norte, Noroeste e Norte 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Tocantinópolis (TO),  de 26 a 28 de agosto. O evento terá como tema "O rosto das CEBs na Amazônia: lutas e esperanças”. 

De acordo com o bispo emérito de Porto Velho (RO), dom Moacyr Grechi, o encontro celebrará o jeito amazônico de ser Igreja. “Este Mini-Intereclesial vai reunir uma expressiva representatividade de quase 15 mil CEBs dos Estados do Amazonas, Roraima, Rondônia, Acre, Amapá, Pará, Tocantins e norte do Goiás, para celebrar o seu jeito amazônico de ser Igreja: uma Igreja missionária que já nasceu “em saída”, enfatiza.

O primeiro Encontrão das CEBs na Amazônia é uma preparação para o 14º Interclesial de Londrina (PR), a ser realizado em 2018.  “Nesta Amazônia cada vez mais urbana, vamos refletir sobre o tema do 14º Intereclesial de Londrina (PR): 'CEBs e os desafios no mundo urbano' e o lema 'Eu vi e ouvi os clamores do meu povo e desci para libertá-lo', buscando respostas para a mobilidade humana, fortalecendo as CEBs como espaço privilegiado de solidariedade e mudança social (...), procurando novos caminhos de colaboração e compromisso entre as Igrejas da Amazônia”, explica dom Moacyr.

Ainda de acordo com o bispo, "o encontro das CEBs na Amazônia não quer ficar indiferente ao clamor por justiça dos povos indígenas, muito menos à luta dos ribeirinhos, povo quilombola, comunidades migrantes e rurais, urbanas, e principalmente aquelas em situação de ocupação". 

A programação do evento contará com análise de conjuntura e apresentação de painéis com os temas “A Caminha da Igreja na Amazônia: história, missão e evangelização” e “Documentos da Igreja na Amazônia”. Também constam celebrações eucarísticas.