Mais de 500 pessoas participam do Encontro das Pastorais Universitária e da Cultura

Ebruc e Fórum de Cultura aprofundaram temas de trabalho das Pastorais da Cultura e Universitária

Setor Universidades

Com o tema “Tecendo a vida com arte”, o III Encontro Brasileiro de Universitários Cristãos (Ebruc) e o III Fórum Nacional de Cultura reuniram cerca de 550 participantes de vários estados do Brasil, além  do Chile e da Colômbia. Os dois eventos, que aconteceram entre os dias 10 e 12 de outubro, em Colatina (ES), tiveram em suas programações abordagens de temas relacionados à atuação das Pastorais Universitária e da Cultura.

O bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e a Educação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom João Justino de Medeiros, avaliou o encontro e ressaltou a acolhida e o empenho da diocese de Colatina na preparação do evento e recepção dos participantes e as temáticas abordadas. “Tudo foi bastante rico para o tema aqui aprofundado e para o trabalho que a nossa Comissão vem realizando”, disse o bispo.

Dom Justino ainda comentou a respeito da “perspectiva de futuro” para as Pastorais envolvidas no trabalho da Comissão. Para ele, o encontro e o fórum “deixaram as portas abertas para continuidade da reflexão e, sobretudo, para o investimento na formação seja dos agentes da Pastoral Universitária, seja dos agentes da Pastoral da Cultura”.

Atividades

O primeiro dia do Ebruc, 10,iniciou o com a acolhida dos participantes pelas famílias capixabas, na Faculdade Castelo Branco, em Colatina. Também aconteceu o “Chega mais”, um momento de interação promovido pela Pastoral Universitária da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas). A abertura oficial do evento teve a presença do bispo local, dom Joaquim Wladimir Lopes Dias;  do bispo emérito, dom Décio Sossai Zandonade; do prefeito de Colatina, Leonardo Deptulski. Após a cerimônia de abertura, houve momento de espiritualidade e apresentação da tribo indígena “Tupinikin da aldeia do Irajá”.

Setor UniversidadesO segundo dia começou com uma celebração eucarística presidida por dom João Justino.

Durante os dois eventos, ocorreram diferentes manifestações culturais, como teatro, dança e música. "A presença da Pastoral Universitária na sociedade: caminhos para iluminar a nossa ação" foi um dos temas de painel. Além de oficinas, o Ebruc contou com a conferência "Hospitalidade e Comensalidade", com o antropólogo Roberto Da Matta, e a mesa "Igreja e Sociedade (des)encontros de Horizontes", com o professor Vilaschi (UFES) e o bispo emérito de Colatina, dom Décio Zandonade.

O III Encontro Brasileiro de Universitários Cristãos (Ebruc) e o III Fórum Nacional de Cultura foram promovidos pela Comissão Episcopal para a Cultura e a Educação da CNBB e a diocese de Colatina, em parceria com a arquidiocese de Belo Horizonte, a PUC-Minas, a Associação Nacional de Educação Católica (Anec) e a Associação de Dirigentes Cristãos de Empresa - ADCE Brasil.

Com informações e fotos do Setor Universidades